Black & White & Cut & Paste, 2000
Video, preto e branco, sem som, 3’20’’ (em loop)

Este vídeo explora a animação de composições de forte acento gráfico construídas a partir da selecção, manipulação e recombinação de imagens digitais das mais diversas proveniências. Há, em todo o processo de construção das imagens, uma transposição para o domínio da linguagem visual, assinalada no título pela expressão “cut & paste”, das operações de samplagem e colagem de elementos pré-existentes que se generalizaram no domínio da música electrónica. A sobrecarga de signos visuais e linguísticos, assim como a permanente oscilação do olhar entre os elementos visuais e escritos, remetem para a experiência do mundo contemporâneo, marcada pela proliferação de estímulos e pelo exercício visual e cognitivo da sua decifração. Black & White & Cut & Paste inspira-se em colagens anteriores do artista, evidenciando estreitas afinidades formais com estas, em especial com as da série The Meanings That Don’t (1993)

Top