SUSANA SOLANO
LA PIEL DE NADIE
PORTA33 — 09.03.2002 — 03.05.2002

Susana Solano é a escultora contemporânea espanhola de maior projecção internacional. Nascida em Barcelona, em 1946, tem um vasto curriculum, entre exposições, prémios e projectos de exterior, alguns de parceria com grandes arquitectos. Susana Solano contribuíu para a renovação da escultura e a sua obra coloca-a num lugar cimeiro das artes plásticas mundiais.
A exposição de Susana Solano resulta de três visitas da artista à Madeira realizadas em anos anteriores. Incluí três peças em vime de grandes dimensões construídas por artesãos da Camacha. Estas peças a par de uma outra em vídeo que também estará patente projectam a exposição da PORTA33 pelo facto de ser a primeira vez que Susana Solano utiliza aqueles suportes na criação da sua obra.

Aurora Garcia é crítica de arte e professora de Arte Contemporânea na Universidade de Madrid. Tem trabalhado para várias instituições espanholas como o Museo Nacional Reina Sofia e a Fundación La Caixa. Tem também, vindo a organizar importantes mostras de arte espanhola no estrangeiro: foi comissária de Espanha na Bienal de Veneza e na Bienal de São Paulo.
Aurora Garcia é autora de numerosos ensaios e artigos sobre arte contemporânea publicados nos meios especializados espanhóis e internacionais. À Susana Solano, concretamente tem dedicado numerosos textos, sendo o ultimo deles o realizado para o catálogo da exposição na PORTA33. Igualmente publicou um livro sobre a obra de Susana Solano em 1997 (Madrid, Fundación Argentaria y T.F. editores).